Júpiter em Escorpião 10/10/2017

Júpiter tende a enfatizar as áreas que estão mais diretamente relacionadas com o signo pelo qual transita, tendo sempre associado a si um movimento de crescimento, de expansão. No dia 10 de Outubro de 2017, a entrada de Júpiter no misterioso signo Escorpião, pelo qual vai passar ao longo dos próximos 13 meses, vai fazer incidir uma maior ênfase nos aspetos mais secretos da nossa vida. Aquilo que está escondido dentro de nós pode vir à superfície, inquietando-nos, para que possamos curar feridas antigas e descobrir mistérios que estavam a vedar a compreensão de determinados assuntos e situações que não conseguimos compreender.

Júpiter em Escorpião ganha um poderoso magnetismo e uma forte capacidade de cura, que nos proporciona a oportunidade de mudança – uma mudança profunda, intrincada, que vem do mais íntimo de nós próprios. Podemos e devemos aproveitar esta influência para evoluir na nossa vida, aprendendo a elevar-nos acima dos problemas quotidianos que nos tiraram tantas noites o sono, daquilo que nos desestabiliza e perturba a nossa paz interior e o nosso sentido de individualidade, a confiança nas nossas capacidades e a certeza em relação a quem somos.

Júpiter em Escorpião convida-nos a “dar a volta”, como fizemos no ventre da nossa mãe para podermos nascer – e dar a volta por cima às situações e a tudo o que nos mantém estagnados e presos a uma realidade que já não corresponde à pessoa que hoje somos.

O renascimento – e a necessária morte a ele associada – é um dos temas fortes de Júpiter em Escorpião. Esta influência traz cortes e perdas, mas cuida para que eles venham sempre dar origem a algo melhor, mais forte e mais saudável. A morte é, de resto, um dos temas que mais apaixona Escorpião e, à luz de Júpiter neste signo, passamos a vê-la de uma forma mais libertadora, transcendente.

Os signos Fixos, menos beneficiados por esta influência – Touro, Leão, Aquário – podem ter de lidar com contratempos já nos próximos meses, que os obrigarão a mudar de perspectiva e a procurar ir mais fundo na compreensão dos problemas que os limitam e de quem são, e devem aprender a por de parte atitudes de teimosia ou que se sabotam a si próprios.

É importante lembrar que mesmo os signos mais beneficiados devem saber fazer um bom uso desta energia positiva. Quando não sabemos gerir as oportunidades e as bênçãos que nos são oferecidas podemos atrair problemas maiores para a nossa vida. Assim, a justiça, o comedimento, a paciência e a humildade devem estar sempre bem presentes na forma como lidamos com aquilo que a vida – e, neste caso, Júpiter – nos dá. É que nem Júpiter nem o signo escorpião primam pela capacidade de moderação, e a tendência para o exagero e a obsessão é o maior perigo que este trânsito nos traz.

A espiritualidade também pode ser exponencialmente desenvolvida sob a influência de Júpiter em Escorpião. É um bom período para aprendermos mais sobre os assuntos relacionados com o oculto e, acima de tudo, com a nossa energia, a alma e a psique. Este ano oferece-nos a possibilidade de renascermos das nossas cinzas, que é como quem diz, de ultrapassarmos as nossas dores, mágoas e feridas.

E por fim, também a sexualidade, sempre associada ao signo de Escorpião, estará em destaque ao longo deste ano. Júpiter pode trazer ao de cima alguns medos, preconceitos e dificuldades, para nos ajudar a enfrentá-los e a ultrapassá-los. Por outro lado, os desejos acendem-se e podem fazer deflagrar paixões inesperadas – uma vez mais, é preciso ter cuidado para que elas não nos conduzam por caminhos perigosos. Sob a sua melhor influência, podemos ganhar uma maior intimidade com aqueles a quem estamos ligados, e os relacionamentos podem beneficiar bastante de uma abordagem mais solta à sexualidade, com maior entrega, sem tantos limites.

De um modo geral, o trânsito do expansivo Júpiter pelo introvertido Escorpião vai fazer-nos olhar com coragem para dentro de nós, arrancar aquilo que está mais escondido e trazê-lo à superfície, com coragem e ousadia. Podemos retomar a paixão por algo que abandonámos e agarrar-nos com firmeza à vontade de conquistar e concretizar o nosso maior sonho.

Faça uma viagem pelo tempo e veja se se consegue lembrar do que aconteceu na sua vida no ano de 2005/2006 (última vez em que Júpiter esteve em Escorpião). Houve alguma mudança significativa?? Pois é…prepare-se para outra grande mudança e transformação.

Sou do signo de escorpião, e lembro-me da mudança que ocorreu na minha vida em 2005/2006. Entusiasmada com esse facto e com a sincronicidade, resolvi tirar uma carta para cada signo do oráculo “Chacra mindset” e partilhá-lo convosco.Procurem o vosso signo abaixo e meditem nesta palavra até ela fazer parte da vossa lista de “pensar sobre isto” durante este forte e longo trânsito.

Escorpião – a carta é (coincidência!) o nome do próprio oráculo: Chacra Mindset.(um presentinho para os escorpiões:)

SagitárioAuto- Estima (não confundir auto estima com arrogância!). Trabalhar o chacra umbilical e plexo solar.

Capricórnio – Falar a verdade – trabalhar o chacra laríngeo e a forma como comunicam. Nem todas as verdades precisam ser ditas de forma agressiva e não se esqueçam que cada um tem a sua própria verdade!

Aquário – Ser recetivo aos outros – trabalhar o chacra umbilical; equilibrar o dar e receber. Precisas de baixar a guarda e começar a experienciar o que verdadeiramente significa conectar-se ao Outro de forma profunda e verdadeira.

Peixes – Felicidade – trabalhar o chacra do plexo solar. Lembra-te que a felicidade é um estado da alma e não uma coisa material e palpável. Esquece o destino e foca-te na jornada.

Carneiro – Ser ouvido – trabalhar o chacra laríngeo. Abandona crenças limitadoras de que ninguém te ouve nem ninguém te percebe! És um bom comunicador e se a mensagem não está a chegar aos outros, muda a forma como tens comunicado.

Touro – Segurança – trabalhar o chacra laringeo. Lembra-te que é seguro comunicares o que te vai na alma e no coração. O teu medo de comunicar a tua verdade cria barreiras à tua expansão.

Gémeos (cairam duas cartas…bom, afinal gémeos são de facto dois!!) – Cura/ Ilusão – A cura está associada ao chacra cardíaco e não necessita de mais explicação. A Ilusão está relacionada com o chacra do terceiro olho e diz-te que tu és o teu pior inimigo! Aquilo que te tens dito ultimamente é uma ilusão! Não te tens estado a conectar com o teu Eu Superior. Honra-te!

CaranguejoSentimentos – trabalhar o chacra cardíaco.  Derruba as tuas barreiras e permite-te sentir!

Leão – (cairam duas cartas também para leão) Êxtase/ Espiritualidade.  Trabalhar  o chacra coronário. A primeira carta diz-te para celebrares a vida, dares graças pelas coisas boas que já possuis. A segunda carta lembra-te para  não te perderes no mundo da matéria e continuares no teu caminho de auto conhecimento.

VirgemEnraizada – trabalhar o chacra raíz! Não te esqueças de fazeres passeios na natureza! Deixa que a mãe Terra te impregne com a sua energia. Larga o Medo e enraíza-te no teu poder.

Balança- Clarividência – trabalhar o chacra do terceiro olho, a intuição. Ao não aceitares as verdades que vês negas-te as possibilidades que te podem aparecer. Abre os olhos e vê!

 

Namastê!

 

 

 

 

 

 

Guardar

Guardar

Guardar

Guardar

Guardar

Guardar

Guardar

Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial

Gostaste deste blog? Espalha a palavra:)